Sua Majestade, O Bardo

Minha foto
Valença, Bahia, Brazil
Escritor e Professor de Literaturas Anglófonas. Autor do livro "Estrelas no Lago" (Salvador: Cia Valença Editorial, 2004) e coautor de "4 Ases e 1 Coringa" (Valença: Prisma, 2014). Licenciado em Letras/Inglês pela UNEB-Campus Salvador. Falando de mim em outra forma: "Aspetti, signorina, le diro con due parole chi son, Chi son, e che faccio, come vivo, vuole? Chi son? chi son? son un poeta. Che cosa faccio? scrivo. e come vivo? vivo."

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Ricardo Vidal ganha menção honrosa da ALER


Ricardo Vidal ganha menção honrosa da ALER

O escritor valenciano Ricardo Vidal, 29 anos, é um dos poetas laureados do Prêmio Luciano Passos – III Concurso de Poesia da Academia de Letras do Recôncavo (ALER). A premiação ocorrerá no dia 14 de dezembro de 2007, às 20h00, na Câmara Municipal de Cruz das Almas. Ricardo Vidal já havia ganhado uma menção honrosa no II Concurso de Poesia da ALER, cuja entrega dos prêmios ocorreu no ano passado, no auditório da FACE, em Valença. O poema de Ricardo Vidal que ganhou a menção honrosa foi “Feitiço da Lua”.

“Este final de ano foi muito rico para minha carreira literária. Papai Noel foi muito generoso para mim ao dar-me dois prêmios literários neste final de ano.” – declarou Ricardo Vidal, referindo-se a recente republicação do seu poema “O Beijo” no Panorama Literário Brasileiro 2007, da Câmara Brasileira de Jovens Escritores (CBJE), no Rio de Janeiro, no final de novembro deste ano. Sobre o poema premiado, Ricardo Vidal lembra que foi um dos últimos poemas escritos em Valença, antes de sua mudança para Salvador. “Ganhar uma menção honrosa com este meu poema tem um sabor especial. Escrito antes de minha mudança para Salvador, Feitiço da Lua tem muito do meu estilo: poema em quintetos, a imagem da Lua, o Amor. Eu o havia escrito em 01º de setembro de 1996, seis dias antes de me mudar para Salvador. É de se admirar como um poema escrito aos 18 anos tivesse força para ganhar um prêmio!”.

10 poetas baianos foram laureados pela Academia de Letras do Recôncavo neste concurso. A comissão julgadora do concurso contou com a participação da escritora valenciana Mácaria Andrade. O primeiro lugar foi ganho por Marilene Oliveira de Andrade, de Varzedo, com o poema “A Beleza da Alma de um Poeta”. O segundo lugar foi para cruz-almense Cristiane de Jesus Barbosa, autora do poema “De Cotidianas Coisas” e o terceiro lugar foi para Elaine Cristina Sant'Ana dos Santos, poetisa de Muritiba e autora do poema “Passos”.

CARREIRA DE SUCESSO. Esta premiação coroa um ano de sucessos de uma carreira literária ascendente. No mês passado, Ricardo Vidal fora escolhido pela editora carioca CBJE como um dos 150 melhores poetas do país. Ricardo Vidal publicou em 2004 o livro de poemas Estrelas no Lago. Além disso, seus poemas, contos e crônicas foram publicados em websites (como a revista eletrônica Neocodex) antologias, como as da CBJE e a Quase Escritores, publicado em 1994, pelo Educandário Paulo Freire. Também já ganhou prêmios em concursos de poesia, como a menção honrosa no II Concurso de Poesia da ALER (2004) e o 03º lugar – Menção Espacial Bahia – no Concurso Literário da revista Iararana (2002). Na ocasião, três de seus poemas foram publicados na oitava edição da revista, que também foi lançada na Europa, nas cidades de Paris (França) e Budapeste (Hungria). Ricardo Vidal possui um blog, O Castelo do Bardo Celta (http://www.bardocelta.blogspot.com/).

José Ricardo da Hora Vidal nasceu em Valença em Abril de 1978. Estudou o ginásio no Colégio Social de Valença e o curso Científico no Educandário Paulo Freire (EPF). Nesta época, quando aluno do EPF, participou da fundação da UMES-VA, onde ocupou o diretor de Imprensa nos anos de 1994-1995. Desde 1996 reside em Salvador, onde atual estuda Letras/Inglês na UNEB e cuja formatura será no ano que vêm. Antes, Ricardo Vidal estudou Jornalismo na UFBA, sem concluir o curso. Ricardo Vidal é bisneto do Maestro Barrinha, sobrinho-neto de Antônio Sereia, sobrinho doe poeta Valdo da Hora e primo do pintor Junior da Hora (www.rrtv.com.br/juniordahora) e do vereador Zé da Hora.

Publicado nos jornais: Valença Agora (http://www.valencaagora.com/x/b/bs.php?bl=1&menu=528) e A Voz da Região

Nenhum comentário:

Biblioteca do Bardo Celta (Leituras recomendadas)

  • Revista Iararana
  • Valenciando (antologia)
  • Valença: dos primódios a contemporaneidade (Edgard Oliveira)
  • A Sombra da Guerra (Augusto César Moutinho)
  • Coração na Boca (Rosângela Góes de Queiroz Figueiredo)
  • Pelo Amor... Pela Vida! (Mustafá Rosemberg de Souza)
  • Veredas do Amor (Ângelo Paraíso Martins)
  • Tinharé (Oscar Pinheiro)
  • Da Natureza e Limites do Poder Moderador (Conselheiro Zacarias de Gois e Vasconcelos)
  • Outras Moradas (Antologia)
  • Lunaris (Carlos Ribeiro)
  • Códigos do Silêncio (José Inácio V. de Melo)
  • Decifração de Abismos (José Inácio V. de Melo)
  • Microafetos (Wladimir Cazé)
  • Textorama (Patrick Brock)
  • Cantar de Mio Cid (Anônimo)
  • Fausto (Goëthe)
  • Sofrimentos do Jovem Werther (Goëthe)
  • Bhagavad Gita (Anônimo)
  • Mensagem (Fernando Pessoa)
  • Noite na Taverna/Macário (Álvares de Azevedo)
  • A Casa do Incesto (Anaïs Nin)
  • Delta de Vênus (Anaïs Nin)
  • Uma Espiã na Casa do Amor (Anaïs Nin)
  • Henry & June (Anaïs Nin)
  • Fire (Anaïs Nin)
  • Rubáiyát (Omar Khayyam)
  • 20.000 Léguas Submarinas (Jules Verne)
  • A Volta ao Mundo em 80 Dias (Jules Verne)
  • Manifesto Comunista (Marx & Engels)
  • Assim Falou Zaratustra (Nietzsche)
  • O Anticristo (Nietzsche)